Conselho para todos nós, candidatos ao discipulado com Jesus. Abraços fraternos e agradecidos a Chico e Maria de Deus.
Fraternalmente,
irmão Beto

“Exerce o teu ministério, confiando na Providência Divina.
Seja a tua mediunidade como harpa melodiosa; porém, no dia em que receberes os favores do mundo como se estivesse vendendo os seus acordes, ela se enferrujará para sempre. O dinheiro e o interesse seriam azinhavres nas suas cordas.
Sê pobre, pensando nAquele que não tinha uma pedra onde repousar a cabeça dolorida e, quando à vaidade, não guardes a sua peçonha no coração. Na sua taça envenenada muitos têm perdido a existência feliz no plano espiritual como se estivesse embriagados por um vinho sinistro.
“Cartas de uma morta”. Lake

Publicado por: . | 5 julho, 2013

Entendamos servindo – áudio/vídeo

Estudo do Evangelho, livro Pão Nosso – Emmanuel, realizado por Beto Costa 03/07/2013, FEEAK MINAS

Publicado por: . | 5 julho, 2013

Estudo do Livro dos Espíritos – Em Ti Próprio

Estudo do Livro dos Espíritos, realizado em 28/06/2013 na FEEAK Minas, Belo Horizonte/MG. Parte II – Capítulo VI Vida Espiritual – Percepções, sensações e sofrimento dos espíritos. Questão 238. Expositor: Carlos Alberto Braga

Publicado por: . | 3 julho, 2013

Entendamos servindo – Emmanuel

179

Entendamos servindo

“Porque também nós éramos noutro tempo insensatos.” – Paulo. (Tito, 3:3.)

O martelo, realmente, colabora nos primores da estatuária, mas não pode golpear a pedra, indiscriminadamente.

O remédio amargo estabelece a cura do corpo enfermo, no entanto, reclama ciência na dosagem.

Nem mais, nem menos. 

Na sementeira da verdade, igualmente, é indispensável não nos desfaçamos em movimento impensado.

Na Terra, não respiramos num domicílio de anjos. Somos milhões de criaturas, no labirinto de débitos clamorosos do passado, suspirando pela desejada equação.

Quem ensina com sinceridade, naturalmente aprendeu as lições, atravessando obstáculos duros.  Leia Mais…

Publicado por: . | 2 julho, 2013

Carta de Chico Xavier para o Jô.

            Querido Jô

            Jesus nos abençoe.

            Recebi sua carta querida de 6, junho às encomendas de nossa Iza e, de coração enternecido, reúno vocês dois em meu abraço do coração. 

            Louvado seja Deus que nos concedeu  um amor assim tão grande para vivermos juntos pelos laços sublimes da alma.

            Comecei a ler a sua mensagem abençoada e do “Curto Diário de Uma Saudade”até a última página de “A Viagem de Tissay”, senti essa alegria cariciosa e boa que conversa a sós com a gente, entre risos e lágrimas… Palavras para dizer a você a emoção que você me deu? Desisto de buscá-las. As palavras do mundo são assim como tijolos de construção humana. Podemos dar-lhes forma e beleza ao empilhá-los ou acomodá-los uns com os outros, mas não conseguimos transmitir-lhe o calor que sai do coração. Por isso, meu filho, tanto quanto um coração pode abençoar um outro coração, repito ao seu generoso espírito: “Filho de minhalma, Deus abençoe você, em todos os seus passos”.

            Como é belo tudo o que você me diz! Sim, Leia Mais…

Publicado por: . | 28 junho, 2013

Eles estão vivos – mensagem de Emmanuel

Eles estão vivos – mensagem de Emmanuel from FEEAK – Frat. Est Espíritas AK on Vimeo.

Publicado por: . | 28 junho, 2013

Taciano – Livro: Ave, Cristo!

– Querido companheiro, como passou desde ontem? – inquiri, animado.

Resposta carregada de ternura:
– Quase não dormi, meu filho. Nossos amigos espirituais têm me envolvido
com muita freqüência e, nesta noite, especificamente, fui levado às plagas
de Lyon, para reviver os tormentos da desencarnação de Taciano Varro,
personagem do livro Ave, Cristo!, no século III d.C. Não se assuste, mas tenho aprendido, nesses últimos cinqüenta janeiros, a conviver com os grandes dramas da História, principalmente com aqueles que protagonizei.
– Sendo assim, Arnaldo, eu pediria que você nos contasse algo mais sobre
essas experiências, para que também nós possamos aprender a não recalcitrar nos mesmos erros do passado.
Arnaldo Rocha iniciou, portanto, uma grandiosa descrição de cenas
que foram tão bem transmitidas a nós através da incomparável literatura
trazida por Emmanuel, no clássico e já citado livro, Ave, Cristo!:

“As feras esfaimadas abocanhavam corpos e estracinhavam vísceras humanas, aqui e ali, mas, como se vivesse agora tão-somente para a fé que o iluminava à última hora, Taciano, genuflexo, repetia a comovedora oração: Pai nosso, que estás no Céu, santificado (…). Taciano ia Leia Mais…

Publicado por: . | 27 junho, 2013

Em oração – Prece feita por Jesus

Na véspera da partida do Senhor, no rumo de Sídon, o culto do Evangelho, na residência de Pedro, revestiu­se de justificável melancolia. As atividades do  estudo edificante prosseguiriam, mas o trabalho da revelação, de algum  modo, experimentaria interrupção natural. A leitura de comoventes páginas de Isaías foi levada a efeito por Mateus, com visível emotividade; entretanto, nessa noite de despedidas ninguém formulou  qualquer indagação.
Intraduzível expectativa pairava no semblante de todos. O Mestre, por si, absteve­se de qualquer comentário, mas, ao término da reunião, levantou os olhos lúcidos para o Céu e suplicou fervorosamente:

—  Pai, acende a Tua Divina Luz em torno de todos aqueles que Te olvidaram a bênção, nas sombras da caminhada terrestre. “Ampara os que se esqueceram de repartir  o pão que lhes sobra na mesa farta. “Ajuda aos que não se envergonham de ostentar felicidade, ao lado da miséria e do infortúnio. “Socorre os que se não lembram de agradecer aos benfeitores. “Compadece­te Leia Mais…

Realizado na FEEAKMINAS 21/06/2013 Beto Costa

Estudo do Livro dos Espíritos – Fermento Espiritual from FEEAK – Frat. Est Espíritas AK on Vimeo.

Publicado por: . | 21 junho, 2013

Retribuir o mal com o bem – Allan Kardec

Retribuir o mal com o bem – Allan Kardec from FEEAK – Frat. Est Espíritas AK on Vimeo.

Publicado por: . | 21 junho, 2013

Evitando inquietações Emmanuel

Considerando que a inquietação em nós gera inquietação naqueles que nos rodeiam, revisemos, pelo menos de quando em quando, as induções que nos possam impelir à intranqüilidade.
***
Recorda que todos nós, os espíritos encarnados ou desencarnados, em evolução na Terra, ainda estamos longe da condição de espíritos perfeitos.  
***
Quase impossível seguir sem erros na jornada, mas é preciso reconhecer que a Divina Providência jamais nos sonega recursos para corrigi-los.
***
Aceita-te como és e onde estás, a fim de que consigas caminhar com segurança para o que  deves ser e para a melhor condição que te cabe alcançar.
***
Consulta o passado, por arquivo de informações que te facilite os movimentos em rumo  certo, mas não te prendas à lembrança de caráter negativo, porque hoje é o dia de construir  o amanhã com o material selecionado de que disponhas no campo da experiência.
***
Libera a capacidade de compreender e perdoar com que o Criador nos dotou a cada um, para que o ressentimento, ante os conflitos de ação e de opinião, nas áreas de trabalho em que te vês, não te causem desequilíbrios.
***
Não acredites tanto em doença e cansaço que te impeçam de servir ao próximo, trabalhando um tanto mais.
***
Auxiliar desinteressadamente aos semelhantes será sempre a base de qualquer melhoria.
***
Cultivemos o respeito a nós mesmos, sem o qual não se sabe de que modo angariar o respeito dos outros.
***
Confiemos em Deus, acima de tudo, sem nos esquecermos, porém, de que Deus igualmente confia em cada um de nós.                                                                Livro Calma. GEEM

Publicado por: . | 20 junho, 2013

Os sinais da renovação – Neio Lúcio

Ante a assembleia familiar, o Mestre tomou a palavra e falou, persuasivo: —  E quando o Reino Divino estiver às portas dos homens, a alma do  mundo estará renovada. “O mais poderoso não será o mais desapiedado e, sim, o que mais ame. “O vencedor não será aquele que guerrear o inimigo exterior até à morte em rios de sangue, mas o que combater a iniquidade e a ignorância,  dentro de si mesmo, até à extinção do mal, nos círculos da própria natureza. “O mais eloquente não será o dono do mais belo discurso, mas, sim, o que aliar as palavras santificantes aos próprios atos, elevando o padrão da vida, no lugar  onde estiver. “O mais nobre não será o detentor do maior  número de títulos que lhe conferem a transitória dominação em propriedades efêmeras da Terra Leia Mais…

Publicado por: . | 19 junho, 2013

Instrução – Emmanuel

INSTRUÇÃO[1]

Emmanuel

          Já se disse que duas asas conduzirão o espírito humano à presença de Deus. 

          Uma chama-se Amor, a outra, Sabedoria.

          Pelo amor, que, acima de tudo, é serviço aos semelhantes, a criatura se ilumina e aformoseia por dentro, emitindo, em favor dos outros, o reflexo de suas próprias virtudes; e, pela sabedoria, que começa na aquisição do conhecimento, recolhe a influência dos vanguardeiros do progresso, que lhe comunicam os reflexos da própria grandeza, impelindo-a para o Alto.

          Através do amor valorizamo-nos para a vida. Através da sabedoria somos pela vida valorizados. 

          Daí, o imperativo de marcharem juntas a inteligência e a bondade.

          Bondade que ignora é assim como o poço amigo em plena sombra, a dessedentar o viajor sem ensinar-lhe o caminho.

          Inteligência que não ama pode ser comparada a valioso poste de aviso, que traça ao peregrino informes de rumo certo, deixando-o sucumbir ao tormento da sede. Leia Mais…

Publicado por: . | 17 junho, 2013

Não te afaste – Estudo do Livro dos Espíritos

Realizado na FEEAKMINAS 14/06/2013, por Beto Costa. Questões 234 a 236a.

 

2013-06-14 Q234 a 236a – Não te afastes from FEEAK – Frat. Est Espíritas AK on Vimeo.

Publicado por: . | 17 junho, 2013

Chico Xavier pensava que ia morrer – Lindos Casos

IN EXTREMIS… (PENSAVA QUE IA MORRER…)
Em 1940, ficou gravemente enfermo.
O médico que lhe assistia fez o diagnóstico, prevendo um ataque de
uremia.
Se a retenção perdurasse por mais 24 horas, teria o Chico um colapso e
desencarnaria.
Assim lhe dissera o médico, colocando-o a par da realidade dolorosa.
O facultativo saiu e Chico notou que, do Alto, Bezerra de Menezes, André
Luiz e Emmanuel providenciavam-lhe recursos, entremostrando-lhe que era
grave seu estado. 
Preparou-se, então, para morrer bem.
Pediu, em prece sentida, a Emmanuel, que o recebesse na Espiritualidade.
Seu amoroso Guia, sentindo-lhe a intenção, considerou:
— Não posso, Chico, auxiliá-lo no seu desencarne. Tenho muito que fazer.
Mas se você sentir que a hora chegou, recorra aos amigos do “LUIZ
GONZAGA”. Você não é melhor que os outros.
E, com esse ensinamento, o médium recebeu uma bela lição.
Ramiro Gama

« Newer Posts - Older Posts »

Categorias

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 750 outros seguidores