Publicado por: . | 17 outubro, 2021

NOVOS HORIZONTES – EVANGELHO DA MANHÃ

GÊNESE NO LAR

Fraternidade de Estudos Allan Kardec está convidando você para acessar

TV GÊNESE

🙋⌚ 📽️ 🎙️ 📲 Hora 7:10 – 18 de Outubro 2021_Segunda-feira

😘Tópico: GÊNESE NO LAR Nº443

  📚 📜 – TEMA: NOVOS HORIZONTES

Fonte:

O Evangelho S Espiritismo  – Capítulo 2 – Item 7 –  Allan Kardec

Justiça Divina – Divina Presença – Emmanuel – Francisco Cândido Xavier

👉 Facilitador: Carlos Alberto Braga Costa

👁️                                                                 

👇🖥️📺📡 

O PONTO DE VISTA

7. O Espiritismo dilata o pensamento e lhe rasga horizontes novos. Em vez dessa visão, acanhada e mesquinha, que o concentra na vida atual, que faz do instante que vivemos na Terra único e frágil eixo do porvir eterno, ele, o Espiritismo, mostra que essa vida não passa de um elo no harmonioso e magnífico conjunto da obra do Criador. Mostra a solidariedade que conjuga todas as existências de um mesmo ser, todos os seres de um mesmo mundo e os seres de todos os mundos. Faculta assim uma base e uma razão de ser à fraternidade universal, enquanto a doutrina da criação da alma por ocasião do nascimento de cada corpo torna estranhos uns aos outros todos os seres. Essa solidariedade entre as partes de um mesmo todo explica o que inexplicável se apresenta, desde que se considere apenas um ponto. Esse conjunto, ao tempo do Cristo, os homens não o teriam podido compreender, motivo por que ele reservou para outros tempos o fazê-lo conhecido.

Evangelho Segundo o Espiritismo – Capítulo 2- Meu Reino Não É Deste Mundo – O Ponto de Vista – Item 7 Allan Kardec

DIVINA PRESENÇA


Reunião pública de 3-7-61.
1ª Parte, cap. VI, item 12.


Quando nasceste na Terra, assemelhavas-te ao pássaro semimorto que a tormenta
arremessa em esquecida concha da praia, mas apareceu sobre-humana ternura num
coração de mulher e foste, pelas maternas mãos, lavado e alimentado milhares de vezes,
simplesmente por amor, a fim de recuperares a consciência ; quando o véu da ingenuidade
infantil te empanava a cabeça, afligindo os que mais te amavam, o professor percebeu a
inteligência que te fulgia no olhar e entregou-te a riqueza imarcescível da escola; nos dias da
primeira mocidade, quando a despreocupação parecia anular-te a existência, amigos
notaram o caráter que te brilhava nos gestos e integraram-te a vida nos dons do trabalho ; na
enfermidade, quando muitos duvidavam da tua capacidade de reerguimento, o médico
verificou que uma força sublime te atuava nas mais íntimas células e estendeu-te, confiante,
o remédio eficaz ; nas horas difíceis de incompreensão, ouviste, em meio das próprias
lágrimas, inarticuladas canções de conforto e esperança, exortando-te à paciência e à
alegria…
Por onde segues, assinalas a luz invisível que te clareia todos os pensamentos… Se sofres,
é o apoio que te resguarda; se erras, é a voz que te corrige; se vacilas, é o braço que te
sustenta, e se te encontras em solidão, é a companhia que te consola…
Aprendamos a amar e a respeitar esse Alguém, como quem sabe que estamos nele como o
fruto na árvore, e, se caíste tão fundo que todos os afetos te hajam abandonado, mesmo ai,
nas dores da culpa, recorda que a justiça te golpeia’ e purifica em direitura do supremo
resgate, porque nunca estiveste distante da presença de Deus.

Justiça Divina – Divina Presença – Emmanuel – Francisco Cândido Xavier


Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Categorias

%d blogueiros gostam disto: